Escolha uma Página

Sabemos que o segmento de Coworking é relativamente novo, principalmente no Brasil, portanto é comum que os empreendedores que se lançam nesse mercado cometam algumas falhas por não compreender bem as particularidades do negócio.

Conversamos com variados clientes, todos os dias, e ouvimos histórias de quem está pensando em ingressar nessa área, quem já tem anos de mercado e de quem entrou no mercado há pouco tempo. Baseado em tudo o que absorvemos, listamos abaixo alguns dos erros mais comuns ao iniciar as operações de um coworking:

  • MONTAR O NEGÓCIO SEM PESQUISAR BEM O SEGMENTO
    Acreditamos que esse deve ser o erro primordial de quem está abrindo um coworking, pois não entender bem o mercado pode resultar em diversas outras falhas que vamos falar mais a frente. Procure outros coworkings, analise os sites deles, geralmente lá você encontra os serviços oferecidos, a descrição da estrutura, entre outras coisas… Agende uma visita, ou até mesmo, se torne cliente por um dia. São atitudes que darão a real noção do negócio!
  • NÃO ESTUDAR O SEU PÚBLICO ALVO
    Então você estudou o segmento, deu uma avaliada na concorrência, leu blogs e já está craque no que é um coworking. Massa! Só que, você parou para analisar o perfil de público que é potencial para se tornar seu cliente? Sua localização e estrutura são adequadas para o público que você deseja atrair? De que forma atendê-los? São questões que você irá responder se analisar bem o seu mercado local, conversar com as pessoas, avaliar as necessidades delas e formatar o seu espaço para atender essas demandas. Dessa forma, negócios podem surgir antes mesmo da sua inauguração.
  • NÃO PREPARAR BEM A SUA EQUIPE
    É importante que os seus colaboradores tenham noção de que Coworking não é meramente locação de espaços, ou um escritório convencional, e esteja preparado para as particularidades de um ambiente compartilhado. Explique bem tudo isso a eles. Que tal levá-los a um coworking? Prepare-os para comandar a sua comunidade!
  • FORMATAR SERVIÇOS QUE NÃO EXATAMENTE OS BUSCADOS PELO SEU PÚBLICO
    Ao pesquisar o ambiente de coworking é mais comum que vejamos grandes salões com muitas estações de trabalho, porém o formato do serviço oferecido vai depender do seu público alvo. Salas privativas geram mensalidades expressivas e uma receita estável, portanto é interessante avaliar de que forma esse serviço pode ser oferecido. Serviços de escritório virtual também são, muitas vezes, deixados de lado nessa fase inicial, e seu público pode nem saber da existência dessa possibilidade. Não deixe as oportunidades passarem!
  • DIVULGAÇÃO SEM ESTRATÉGIA
    Não existe fórmula pronta para divulgar o seu coworking e garantir resultados, mas se o seu investimento for estrategicamente direcionado, as chances de sucesso aumentam expressivamente. A melhor divulgação será a baseada em seu público alvo! Quem é o cliente que você deseja atrair? Onde ele está? Antes de tudo, responda essas perguntas e aí você terá o seu pontapé inicial. E não esqueça que rede social é bom, mas não é tudo. Existem outras formas de divulgação que podem ser interessantes para você, dependendo dos seus serviços e público, como por exemplo, divulgação no OLX ou corretores imobiliários.

Compilamos com muito carinho essas dicas para que empreendedores novos e antigos possam debater sobre o assunto e trocar experiências. Concordam com a gente? Não? Conta nos comentários como foi, ou como está sendo, a sua experiência nesse mercado que está em desenvolvimento no Brasil.

%d blogueiros gostam disto: